KAMARADAS

CASTELO DOS BUGRES - SC

“...perdida entre as brumas a brisa da montanha espalha pelo arvoredo o segredo do Castelo dos Bugres. A lenda diz que um cavalo branco preso dentro do espinheiral aguarda a descida da ponte movediça que irá permitir a saída do senhor, um cacique que um dia ali penetrou. Enquanto o senhor não sair do castelo não haverá libertação para o pobre cavalo angustiado. O cacique porém, ainda irá permanecer por muito tempo no interior do castelo, enquanto no lado de fora, pela estrada, os apressados irão passando, espreitando a íngreme formação e seu guardião”...





Então é isso kamaradas, na última sexta-feira aproveitei uma viagem de trabalho para a região de São Bento do Sul - SC para subir esse local de lendas conhecido como CASTELO DOS BUGRES, montanha de 998m que fica na serra do Piraí. Fiz um reconhecimento da área no ano passado, marquei um ataque com o cumpadre Binder, mas cancelamos devido ao mau tempo... só quase um ano depois surgiu uma boa oportunidade de conhecer.


A região de Joinville, São Bento do Sul e Campo Alegre é muito bonita. Forte colonização alemã que dá pra perceber no estilo das construções, nos cafés e na curiosa placa que mostra a quilometragem até BERLIM...


São dois caminhos para chegar lá saindo de CWB:

- Fazenda Rio Grande, Agudos do Sul, São Bento do Sul e Campo Alegre... 

- BR 101... desce a serra e depois sobe a D. Francisca em Pirabeiraba... 

Seja qual for o caminho um dos pontos para deixar a charanga é no KM 95 da SC 301 onde tem uma oficina, uma borracharia e o bar do Sr. Valdemar... ali encontrei banheiros limpos, salgadinhos de pacote, água gelada e o melhor de tudo... ele não cobra pra cuidar do carro e não cobra o acesso para montanha...   ;-)




O pessoal que foi pra MACHU PICCHU no último feriado trouxe de presente para o JOPZ um colete estilo FOTÓGRAFO que aproveitei para testar e subir sem mochila... Gostei bastante... distribui melhor o peso do que a mochila, não machuca nos ombros, muito bom para passar por baixo de árvores e galhos caídos, tem um bolso pra cada tipo de tralha... a única coisa negativa é que para pessoas "encaloradas" esquenta bastante então com certeza só vou usar no inverno.


Associação Joinvilense de Montanhismo merece aplausos pelo trabalho de sinalização e conservação. A trilha está impecavelmente limpa. Sem lixo. O máximo que vi foram restos de fogueira e nada mais. 





Saindo do bar do Valdemar, são duas trilhas para o Castelo dos Bugres, eu subi por uma e desci pela outra só para conhecer, então é o seguinte:

- pelo portão de ferro quase em frente do bar fica a trilha sem sinalização. Mais fechada, rústica, barrenta, e facil de se perder, porém é nessa que tem a bifurcação para o MORRO PELADO. Me perdi por uns 15 min no ponto onde tem vários cruzamentos do rio Piraí. Essa é pra quem não tem medo de sujar as botinas nem de ficar perdido. Encontra com a outra trilha aprox. 10 min abaixo do cume.



- A outra opção é pegar a trilha do container. Saindo do bar tem que andar uns 800m pela rodovia até o container onde mora o Sr. Paulo. Ali é a entrada por uma simpática estradinha que vai até uma estação de coleta de água. Trilha mais larga, bastante utilizada, bem sinalizada com fitas brancas. Tem menos barro e menos travessias de água (acho que só umas três). Perfeita para iniciantes nesse tipo de aventura.



As duas trilhas se encontram quase no cume. Um pouco abaixo do cume fica essa área de acampamento onde encontrei restos de fogueira e sinais da anta... 




Peguei céu azul e muito vento. O dia que começou abaixo dos 10 graus passou dos 20 durante a tarde. Mas a trilha é feita 99% dentro da floresta, nem precisei de chapéu, só peguei sol quando cheguei ao topo.



No cume também há uma área onde é possível armar barracas e existem duas torres de pedras. Acho que é por isso que o local chama-se CASTELO. Tem corda fixa instalada para subir nas duas. Foi dificil subir na mais alta, só consegui depois que tirei a bota e encarei a pedra descalço.




Na imagem vista para o MORRO PELADO na frente e atras o famoso Jurapê. Com certeza o Pelado será o próximo da região que pretendo visitar... pelo que conversei com o Sr. Paulo do container, são aprox. 5h de trilha pra ir e voltar, e muito fácil de se perder... UIAZ! Assim que é bom... Quem topaz?



Lá do cume dá pra ver Joinville de um lado, a pouco menos de 20km 
(em linha reta) e do outro lado um visual para a Serra do Quiriri.


Area do cume vista da torre maior. O legal desse cume é que tem um paredão onde o pessoal faz rapel. Deve ser legal com todo aquele visual... Caixa com livro cume eu não encontrei, mas agora lembrei que não olhei embaixo da torre menor, e taí um bom motivo pra voltar lá...




Durante a subida pela trilha não sinalizada, vi muitas pegadas de anta. E próximo da área de acampamento abaixo do cume vi muito estrume da tal criatura... pelo tamanho das pegadas e pela montanha de kaka a anta era grande!!! Um bom sinal da preservação da região. O Sr. Paulo inclusive me disse que elas vão até o container lá embaixo atras de sementes pra comer.


Conclusão... trilha bonita, limpa, bem preservada, com muita água no caminho, quase todo tempo caminhando embaixo das árvores, são menos de 2h de carro pra chegar lá, legal ir por São Bento e voltar descendo a belíssima estrada D. Francisca. A caminhada começa na faixa dos 700m de altitude, então tem pouco desnível pra superar. No geral é muito fácil, não tem paredões, não tem subidas fortes, dá pra chegar bem sussê ao cume em 1:15h e depois 1h pra descer, parando e tirando fotos. Navegação fácilima pela trilha do container seguindo as fitas brancas. Navegação mais divertida pela trilha do portão velho e enferrujado (essa não tem nenhuma fita), tem que seguir observando a própria trilha e recomendada para montanhistas mais experientes. Jopz kurtiu, recomenda e espero ter oportunidade de conhecer mais a região. 



E pra fechar uma vista aérea do Castelo, fonte Revista GoFaster nesse link é possível conferir mais uma lenda da região que fala sobre uma entrada para o Centro da Terra... 

B1B - Julho 2013

10 comentários:

Mauricio Penha disse...

Faz tempo que fui no Castelo, foi na retorno as trilhas. Parece que foi solo, não?

daguvasco disse...

que demais o lugar, nao fazia ideia que joinville é tào grande, passando pela 101, nao parece que é tao grande assim...
Belissimo retorno.
Aquele

Jonatan Israel Quadros disse...

Sipz MauMau, fui solo... estive em São Bento a trabalho pela manhã, mas resolvi tudo muito rápido e um pouco antes do meio dia já estava com o pé na trilha...

Kamarada Dagu, agradeço o elogio... eu fiz uma outra pernada nas montanhas no feriado da Páscoa, mas deu tanto xabu que nem me animei de fazer post... essa foi uma pernada light, mas ache legal pra deixar no ar algo mais leve, aquele post da JUJU era e continua sendo muito triste para nós...

valeuz

JOPZ

Ateliê Tribo de Judá disse...

Valeu amigo !!
Belas imagens!!
desejo-lhe uma ótima semana.

Joelma

Cezar and Léia disse...

Lindissimas fotos, a natureza é show realmente, e você preparou um artigo maravilhoso aqui, parabéns!
Abraços
Léia

Rb disse...

Antes de mais nada: é bom ver um post novo!
E, no mais, quero logo conhecer o lugar.

JR disse...

Que beleza! Fotos interessantes, trilha parece bastante agradável pra um batismo ou pra desenferrujar... Tô precisando!

JR

Mildão disse...

o urso saiu da toca

Jonatan Israel Quadros disse...

POIZÉ, esse ano está sendo diferente, dificil sem a JUJU animando nossas vidas, mas na medida do possivel vamos que vamos, descobrindo novas paisagens e quebrando a rotina.

Jopz

Artes e escritas disse...

Jopz, você voltou! Brindo você de novo ao mundo blogueiro. Um abraço, Yayá.